sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Sobre o Himalaia

Grande montanha que me consome
Paisagem imensa que me absorve
Perco-me na imensidão de teus caminhos
E me encontro na simplicidade de meus passos

Gente calma que vive de amor
Suando embora não haja calor
No meio do silêncio que sufoca
Pensando em tudo que me provoca

Entre a solidão me desligo do mundo
Mas tenho medo de ficar só e sem tudo
Por isso peço que me acompanhe
Me dê sua mão e me ame
;)
Beija-flor... sonhando com o Himalaia

Um comentário:

  1. Belas metáforas rendem belos poemas! kkkkk
    Lindo bja-flor!

    bjs,


    Labiata!

    ResponderExcluir